quinta-feira, 20 de agosto de 2015

Litúrgica

Diocese de Amargosa     07:03     No comments



Dimensão Litúrgica
 
   A liturgia é vida da Igreja. Ela nos faz experimentar e vivenciar o amor de Deus Pai, revelado por Jesus Cristo, alimentado pela ação do Espírito Santo e cultivado na comunidade. Ela é momento alto e significativo na caminhada das comunidades e dos cristãos. Envolve a pessoa. Dá um sentido para a existência e dinamiza a solidariedade e o carinho pelos pobres.
 
 Na liturgia vemos e encontramos Jesus Cristo, celebramos a sua morte e ressureição e nela mergulhamos sempre mais. Com Ele ressuscitamos para a vida. Na celebração está a fonte da missão e a experiência profunda da adesão e seguimento.
 
  A dimensão litúrgica é o grupo responsável pela pastoral Litúrgica, por tudo que diz respeito à vida litúrgica, celebrativa e orante da comunidade, fazendo com que a Liturgia, conforme a expressão do Concílio Vaticano II (SC9) seja fonte e cume, ponto de partida e de chegada, de todas as demais atividades da comunidade. Ela reúne todos envolvidos na organização e realização das celebrações nas comunidades, sejam elas Eucarísticas ou da Palavra, dos sacramentos ou momentos de oração. São estes grupos: os corais, as equipes de liturgia e celebração, os ministros, os coroinhas, a fim de ajudá-los a melhor desempenhar o seu sacerdócio, na celebração da fé, atualizando, à luz da Palavra de Deus, o grande mistério de nossa fé: o Mistério Pascal.
 
  O objetivo principal da dimensão litúrgica é despertar na comunidade a participação plena na liturgia. Participação plena, ativa, consciente e frutuosa (SC 14) na celebração do Mistério de Cristo. Desta meta, surgem os demais objetivos e existência da dimensão litúrgica:
Participação ativa (interior e exterior) onde a comunidade é sujeito da celebração, celebração da comunidade e não para a comunidade.
 
  Participação consciente e frutuosa porque a meta que se quer com celebrações que toquem o coração profundo das pessoas é fazer entrar em comunhão com o Mistério de Cristo celebrado. Portanto, as celebrações (o que se vê) devem ser significantes comunicadoras das realidades divinas (o que não se vê) e devem ajudar a passar do que se vê para o que não se vê: o Mistério de Deus em Cristo que se fez presente, para nós hoje, na liturgia que estamos celebrando. Esta é a dimensão sacramental da liturgia.
 
   A finalidade última almejada pela Dimensão litúrgica é, através de celebrações litúrgicas plenamente participadas, o crescimento da Igreja na fidelidade à graça de Cristo animada pelo seu espírito, povo sacerdotal, que com Jesus, ofereça a sua vida a serviço do projeto de Deus.
 
(páginas, 34-35

0 comentários :

.

Deus abençoe!

Deus abençoe!
© 2015 Diocese de Amargosa - Bahia - Brasil. Deus é Fiel! .Todos os direitos reservados. Designer by @Showja.